sexta-feira, agosto 17, 2007

SANADA YUKIMURA...



Sanada Yukimura (Samurai Deeper Kyo)- animê e mangá


HISTÓRIA REAL


Sanada Saemon-no-Suke Yukimura (1567 - 1615) foi o segundo filho de Sanada Masayuki, um daimyo do período Sengoku do Japão.
Seu nome Sanada Nobushige foi dado por Takeda Nobushige, irmão mais novo de Takeda Shingen.
Sanada Yukimura foi chamado de “um herói que aparece a cada 100 anos” e “deus vermelho/carmim da guerra. Shimazu Tadatsune chamou-o de “soldado número um do Japão”.
Sanada Nobushige, serviu a Takeda Shingen graças a aliança entre o clã Takeda e o clã Sanada, feita por seu pai. Sobreviveu a Batalha de Nagashino, onde os rifles dos Oda dizimaram a cavalaria dos Takeda. Em 1582, as forças Oda-Tokugawa destruiram o clã Takeda e Sanada rendeu-se a Oda Nobunaga mas depois do incidente de Honnoji (Akechi Mitsuhide trai Oda Nobunaga e o leva ao suicídio), torna-se independente novamente passando a servir ao daimyo mais forte, como clã Uesugi, clã Hojo e clã Tokugawa. Eventualmente Sanada Nobushige se tornou vassalo de Toyotomi Hideoshi (vingou a morte de Oda Nobunaga e assumiu o seu lugar).
Durante este período, Toyotomi o tratou com muito cuidado hospitalidade. Em 1600, Tokugawa Ieyasu uniu vários daimyo para atacar Uesugi Kagekatsu. Sanada Nobushige estava entre eles, mas quando Ishida Mitsunari decidiu desafiar Ieyasu, Masayuki e Sanada juntaram as forças do oeste partilhando caminho com Nobuyuki, filho de Masayuki e irmão mais velho de Sanada Yukimura (Sanada Nobushige), que comandou as tropas do leste.
Os Sanadas foram para o castelo Ueda para protegê-lo. Quando Tokugawa Hidetada marchou com seus 40.000 homens para tomar o castelo, eles conseguiram resistir com apenas 2.000 homens. Os Sanadas foram derrotados na batalha de Sekigahara por Tokugawa Ieyasu mas não foram executados por consideração às contribuições de Nobuyuki à causa de Ieyasu.
Eles foram então exilados em Kudoyama na província de Kii. Masayuki morreu lá.

Doze anos depois, com as relações entre o clã Toyotomi e o shogunato Tokugawa estremecidas, o clã Toyotomi começou a recrutar ronins para a guerra.
Sanada Yukimura fugiu de Kudoyama e entrou no castelo de Osaka, atendendo o chamado para guerra.
Durante o inverno, Yukimura construiu fortificações nos pontos mais fracos do castelo de Osaka. De lá ele derrotou os 30.000 homens de Tokugawa com apenas 6.000 arcabuzes. No ano seguinte, no cerco feito durante o verão, Sanada decidiu não agir defensivamente, partindo para o confronto frontal.
Primeiro ele derrotou os 12.000 atiradores montados liderados por Date Masamune (que é considerado um dos dois melhores estrategistas em termo de criatividade e o único a usar atiradores a cavalo) com um exército de cavalaria e infantaria totalizando 3.000 soldados.
Após a derrota das tropas de Date Masamune, a elite do exército Echizen, que estava na retaguarda, avançou contra Yukimura Sanada. Eles eram em torno de 25.000 homens. As tropas de Yukimura recuaram pra trás das muralhas do castelo Osaka. Na manhã seguinte, as foras de Sanada Yukimura atacaram o acampamento de Tokugawa Ieyasu.
As forças de Yukimura Sanada se dividiram em 8 pelotões, cada um liderado por uma “cópia” de Sanada Nobushige. Isto confundiu as tropas de Tokugawa e a ferocidade do ataque baratinou o acampamento gerando um vendeta particular entre as famílias.

Yukimura buscava Ieyasu no acampamento para matá-lo mas não conseguiu se aproximar mais do que alguns metros.
Após o castelo Osaka ser capturado pelo Tokugawa Bakufu, Ieyasu disse temer o nome de Yukimura. Depois disso, Sanada Yukimura Nobushige foi considerado o maior guerreiro do final do período Sengoku Jidai.

A armadua real de Yukimura

Duas teorias para sua morte:
Em grande desvantagem numérica, as tropas de Sanada Yukimura foram derrotadas.
Ferido e completamente exausto da batalha, ele foi confrontado por Nishio Nizaemon do exército Echizen.
Neste ponto ele disse: “Eu sou Sanada Yukimura, um adversário, sem dúvida, muito mais hábil que vc, mas eu estou muito exausto para lutar novamente” e permitiu ser morto. (segundo The Life of Shogun Tokugawa Ieyasu by A.L. Sadler)
A outra teoria diz que ele morreu de exaustão. No cerco de Osaka, Sanada Yukimura contava com a ajuda de 10 ninja que foram chamados de Os 10 bravos de Sanada (Sanada Jüyüshi).
Eram eles: Sarutobi Sasuke, Kirigakure Saizo, Miyoshi Seikai, Miyoshi Isa, Anayama Kosuke, Unno Rokuro, Kakei Juzo, Nezu Jinpachi, Mochizuki Rokuro e Yuri Kamanosuke.

Emblema do Clã Sanada (Zeni=moedas)

Ja na...

2 Comments:

Anonymous Anônimo said...

A história dele é muito legal cara, eu ainda jogo Samurai Warriors onde deixa ele muito mais foda do que ele parece ter sido.

domingo, julho 25, 2010 12:38:00 AM  
Blogger Lindomar Sanada said...

eu treino parte da arte ninja que sobrou, que boa parte do conhecimento de combate ninja se perdeu. Honro meu mestre SANADA

terça-feira, maio 05, 2015 8:39:00 AM  

Postar um comentário

<< Home